sexta-feira, 24 de novembro de 2006

Porque é que tenho morangos em Novembro?


A primeira hipótese é esta, dados do Instituto de Meterologia.
Nesta época do ano devíamos ter cerca de 16ºC na temperatura da água do mar, neste momento temos 20ºC.
Aprendi hoje com um amigo meu que se dedica à pesca, normal e submarina, que a linha da máxima temperatura da água, que normalmente se situa na linha do equador, se está a deslocar para Norte, estando neste mês 600Km acima do que é habitual.
A questão prende-se com a famosa corrente do golfo. Esta corrente devia dividir-se em vários ramos na zona do equador, este ano pela observação das temperaturas da água do mar, em vez de uma divisão em ramos a linha do equador subiu paralelamente ao equador, está os tais 600Km acima.
Na figura do Instituto de Meteorologia, a linha a vermelho devia estar em cima de S. Tomé e Príncipe e está actualmente ao nível do sul de Marrocos, Mauritânia.
Este post é resultado de uma conversa, com alguém que conhece bem o mar, a consistência científica destas afirmações, vou continuar a procurar a sua validação.
Estava eu a falar dos meus morangos, e ele falou dos peixes que anda a pescar, conhece bem a zona de Sesimbra e dos Açores, e diz que as espécies de peixes que normalmente deviam estar nos Açores , estão perto da costa portuguesa (ouviram a notícia do tubarão frade?).

5 comentários:

Fatima Vinagre disse...

Relação com os morangos é que não vejo. talvez seja impressão minha.
No entanto, parece-me mais viável surgir um tubarão na costa do que morangos nesta altura (caso não estejam em estufas!) Lololol!

Filipe disse...

Não Fátima, os moramgos estão a dar ao ar livre, Já na Quinta do moinho , acontece o mesmo.
Ao dizeres que não vês a relação, é o seguinte as temperaturas estão demasiado altas para o mês de Novembro e uma influência é a massa térmica que representa o oceano no clima. Aqui no Concelho de Cascais a noite mais fria até ao momento terá a sido a de hoje e mesmo assim estão 14ºC lá fora.
Mesmo com a chuva e vento que têm estado, que dão uma sensação térmica desagradável, a temperatura pode-se dizer amena.
Não só morangos e mangericos. Os tomateiros que não cheguei a arrancar(falta de tempo) estão agora a florir e com tomates já verdes.
Espero que os dados que estão representados neste mapa sejam só uma situação passageira, porque a manter-se as actuais temperaturas do mar e a corrente do golfo a mudar de percurso, ia ser mau para muita gente

maria disse...

E ainda há quem diga que não há nenhum problema com o aquecimento do globo...
Confesso que estou um pouco assustada.

Luciano disse...

É como se, de repente, passásse-mos a ter um el niño no Atlântico. Sabes, Filipe, se há dados relativos à periodicidade deste fenómeno, aqui na nossa costa?

Filipe disse...

Olá Luciano e Maria.
Em relação aos dados da temperatura da água do mar, não encontrei a nívela nacional, tanto o Instituto de Meteorologia como o Instituto Hidrográfico não os têm, têm de temperatura do ar, de precipitação, etc. mas da temperatura da água não encontrei. O IM tem projectos europeus com várias entidades, mas ainda não deu para explorar melhor os links