segunda-feira, 21 de Janeiro de 2008

Abacate (5)

Uma das maneiras de reproduzir o abacate, a primeira que eu tentei e que tenho observado várias vezes, é a que está assinalada na fotografia, basta um copo de água, e três palitos. Uma das vantagens deste processo, é o facto de os abacates estarem mais disponíveis e com um preço mais baixo no Inverno. Como o tempo de viabilidade da semente é muito curto, este processo permite manter a semente dentro de casa a uma temperatura mais amena.
Um processo dito para acelerar a germinação, difundido em várias fontes, é partir a semente ao meio e colocar só a parte que tem o “gomo vegetativo” (não sei a classificação botânica correcta), dizem que a germinação é mais rápida.
A germinação depende de outros factores, e um deles é o grau de desenvolvimento do caroço dentro do fruto, muitas vezes quando se apanha o abacate, a semente já vem com o principio de raiz formado, a semente estalada e com muita sorte, só me aconteceu uma vez, o rebento a sair do meio do caroço.

Um processo dito para acelerar a germinação, difundido em várias fontes, é partir a semente ao meio e colocar só a parte que tem o “gomo vegetativo” (não sei a classificação botânica correcta), dizem que a germinação é mais rápida. Penso que depende de outros factores, e um deles é o grau de desenvolvimento do caroço dentro do fruto, muitas vezes quando se apanha o abacate, a semente já vem com o principio de raiz formado e com a semente estalada e o rebento a sair do meio
Embora menos estético, funciona.

Claro que acerta altura me perguntaram, mas se ele se desenvolve em água, a terra não é mais nutritiva. Claro, se o semearmos em terra e a mantivermos húmida, a planta a nascer desenvolve-se mais rapidamente e com maior vigor. De notar que à vinte anos tentei plantar abacates na terra, nos meus inícios de introdução de novas plantas e na terra o Inverno acaba por queimar as plantas jovens. Só quando passavam o primeiro Inverno com o caule já sem a cor verde, lenhoso é que se começavam a aguentar.
Hoje, a nível da latitude de Lisboa, quando plantados em Dezembro, Janeiro, se mantiver o local onde foram semeados húmido, os abacates nascem normalmente durante o principio da Primavera, em Março.

18 comentários:

Luciano Lema disse...

Bem, só me falta experimentar este método! Tenho sempre umas sementes de abacate à mão, que é fruto que consumimos regularmente, por isso vou tentar a ver o que dá.
Cá mais a Norte e interior, mesmo com o caule já lenhoso, convém protejer os recém-transplantados da geada.

gintoino disse...

Uso um metodo parecido ao segundo e q é o unico q resulta comigo. Corto o terço superior da semente e mantenho-a envolvida em papel humedecido. A germinação é muito mais rápida e (pelo menos comigo) ocorre sempre. O "metodo dos palitos" nunca funcionou cá em casa.

Filipe disse...

Se tiverem abacates suficientes, recomendo experimentarem na terra ou mesmo num vaso com um tamanho médio, mantidos sempre humedecidos, nota-se o desenvolvimento muito superior. Principalmente o gintoino em Loulé.
O método que o gintoino falou, é o mesmo tipo que coloquei num post sobre a manga, onde obtive bons resultados.
O tempo de germinação com este processo e caroço inteiro pode demorar 1 mês ou mais dependendo da temperatura ambiente e do desenvolvimento do caroço.

Dama do Lago disse...

Olá :)

Parabéns pelo teu blog e pelas plantinhas. Encontrei-o porque andava justamente a fazer uma pesquisa sobre as sementes de abacate. Tens aqui muita informação útil e passarei a vir cá mais vezes para ver as novidades.

Até breve

Anónimo disse...

Eu tenho um abacateiro com três anos e nunca deu fruto.É normal!?

Francisco disse...

Olá
Tenho um Abacateiro em agua, que já tem cerca de 40 Cm de altura e 4 folhas, acho que já está na altura de o passar para a terra, como o faço?????`
É que tive outro mais ou menos nas mesmas condições que, quando o passei para a terra morreu, e agora não queria cometer o mesmo erro.
Enterro só a raiz e deixo o caroço de fora ??

Obrigado

Anónimo disse...

olá tenho 3 abacateiros com 4 anos um dos quais dá flor mas ainda não deu fruto, será normal isso ou demora ainda muito tempo a dar fruto alguem me pode dar essa imformação obrigado andesaec

Anónimo disse...

DEMORA SIM UM PE DE ABACATEIRO DEMORA 6 ANOS PARA DAR FRUTOS..

Anónimo disse...

Moro na Suiça e trouxemos um abacate "manteiga" do Brasil, deixei a semente na água, criou raiz e plantamos (Abril 09). Como aqui é um país muito frio, no verão deixamos pra fora e qdo chegar entre outono / inverno trazemos para dentro de casa, junto a janela onde tenha bastante luz para ele! Neste último verão ele cresceu bastante com bastante flores, está aprox. com 1.45 mt. E assim que o inverno chegou trouxemos para dentro de casa e de repente as folhas começaram a cair agora ele está totalmente "pelado" :( A ponta dele está pretejando, nõ sei se devo cortar esta ponta preta ou não. Pensei como num cabelo...precisa-se cortar a ponta "estragada" para poder continuar a crescer. Porém li em um "forum" que se fizer isso pode "matar" por completo o abacate. Sinceramente estamos muito chateados. Como dentro de casa é muito seco, borrifamos toda a arvore 2x ao dia, apenas borrifamos. Por gentilzea, gostaríamos de maiores informações de como devemos proceder.
Desde já agradeço

Roberto disse...

Bom dia,
Tenho algumas plantas de abacate ainda pequenas. Vou enxertá-las, mas tenho lido que para produzirem têm que estar próximas plantas do tipo A e do tipo B, para polinizarem. Ora, a questão que coloco é como se distingem estas plantas? Que significa tipo A e tipo B no abacate? É macho/fêmea?
Estando as plantas com 1 ano de idade como sei qual é o tipo?
Roberto

Penha disse...

Existe abacate macho? Como conseguir a semente? Minha irmã tem diabete e um senhor falou que ficou curado graças à semente do abacate macho torrada e batida com leite. Aguardo uma resposta urgente, pois a glicose dela está totalmente descontrolada. Obrigada.
Meu email: mpenha.rj@gmail.com

Penha disse...

Existe abacate macho? É difícil conseguir a semente? Um senhor ficou curado de diabete através da semente torrada e batida com leite. Minha irmã sofre desse mal e ficou esperançosa depois que conversou com ele. Por favor, quem souber envie um email para mim. Obrigada.
mpenha.rj@gmail.com

Rocio disse...

Muito interessante eu nunca me ocorreu, só agora, se não vou ter muito tempo para fazer as coisas como você está, porque eu estou trabalhando duro em uma Delivery Moema

rodeira disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
rodeira disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
rodeira disse...

Bem , esta coisa de datas , quanto a isso
sou um pouco incredulo um vez que coloquei
um caroço no mês de agosto,finais do mes de agosto, tal qual está mostrando na figura, e aconteçe que no meio de setembro
já tinha uma rebento começando a crescer,
é claro que ao chegar o inverno a planta irá ter um certa resistência, o clima eu
creio que é muito imprtante assim como a
zona, eu por exemplo estou no algarve....
enfim....um dica....

Filipe disse...

Seja bem vindo

O Algarve é favorável ao crescimento do abacateiro.
Assim que o caroço apresentar duas folhas e raiz, cuidado para não a partir quando tirar do recipiente onde está com água, dizia que tendo folhas pode colocar num vaso.
O facto de se utilizar este método e não enterrar simplesmente o caroço na terra é porque assim se controla melhor os fungos, bolores que podem fazer apodrecer o caroço. colocado o caroço na terra não controlamos a germinação.

Pose ter sempre em água que se desenvolve uma pequena planta com um emaranhado de raízes bonito para estar até numa jarra.

SE vir a colher abacates desse abacateiro, tem que ter em atenção que ele é muito guloso e quanto mais comida saudável lhe der mais se desenvolve.

O vaso pode ser bem maior do que à primeira vista possa parecer mas com boa terra se puder juntar terra normal com metade de húmus de minhoca é bom, e se tiver algumas folhas mesma ainda em decomposição dum compostor pode misturar também.

Passar do vaso para a terra só quando o caule da pequena árvore tiver mais ou menos 50cm de material lenhoso, ou seja, deixa de ser um caule verde e pasa a ter uma casca acastanhada.

Boa sorte

Filipe

Anónimo disse...

Temos um abacateiro que nasceu duma semente de abacate do supermercado, com 3 metros de altura e cerca de 8 anos.

No entanto nunca deu frutos. O facto de não frutificar não surpreende pois é necessário ter outro exemplar de outra variedade. O que eu não entendo é que ele nunca deu flor durante todos estes anos. (ele encontra-se no Norte: Barcelos)

Não deveria pelo menos florir??? Alguém sabe se isto é normal com abacateiros?